Teste de traffic shaping é responsável por 18% da utilização do NET.mede


O NET.mede, o medidor de velocidade de internet lançado pela ANACOM, registou 204 mil visitas nos primeiros dois meses de funcionamento, que visualizaram 561 mil páginas. Destas, cerca de 18% são páginas relacionadas com traffic shaping, um teste que permite verificar se os operadores estão a utilizar mecanismos de gestão de tráfego de internet.

Para os restantes visitantes do Net.mede a velocidade de acesso à internet foi o principal motivo que os levou ao site.

O Net.mede é uma ferramenta que permite medir a velocidade de acesso à internet e compará-la com a que tem contratada, dando aos consumidores a possibilidade de aferirem a qualidade da sua ligação. Trata-se de um instrumento determinante para melhorar a informação ao consumidor e a transparência no mercado, com reflexos positivos para os utilizadores finais, que passarão a ter dados objetivos para questionarem o seu prestador de serviço sobre a qualidade do serviço que está a prestar. Dado o caráter dinâmico da internet é conveniente que os testes sejam feitos em vários dias e a horas diferentes, para que cada pessoa possa ficar com uma noção mais exata da velocidade que lhe está a ser fornecida pelo seu prestador.

Com o NET.mede, acessível em www.netmede.pthttps://netmede.pt/ ou em www.anacom-consumidor.comhttps://anacom-consumidor.pt/, os consumidores passam a dispor de uma ferramenta que lhes permite, em menos de 30 segundos, ficar a saber qual a velocidade do seu acesso à internet e compará-la com a que têm contratada.