3. O que preciso de saber para usar o telemóvel no estrangeiro (em roaming)?


Se pretende usar o seu telemóvel no estrangeiro, antes de viajar deve informar-se sobre:

  • o contacto do serviço de atendimento do seu operador para o qual pode ligar a partir do estrangeiro e quais os preços das comunicações para este serviço;
  • se é necessário selecionar a rede do operador que melhores condições lhe oferece no estrangeiro e, em caso afirmativo, como fazê-lo; 
  • como aceder ao seu voice mail em roaming (o código de acesso pode ser diferente) e quanto custa;
  • como são pagas as chamadas feitas e recebidas em roaming e como recarregar o seu saldo quando está no estrangeiro, caso tenha um cartão pré-pago;
  • os códigos que deve marcar para realizar chamadas e enviar mensagens;
  • o tipo de corrente elétrica do país de destino e se é necessário um adaptador para carregar o seu telemóvel;
  • a existência de cobertura de rede GSM, GPRS, 3.ª ou 4.ª geração no país de destino;
  • a eventual existência de acordos de roaming entre o seu operador e algum prestador do serviço telefónico móvel nesse país;
  • a forma disponibilização do roaming no país de destino (automática ou ativação prévia).

Se verificar que não tem acesso ao roaming pode procurar alternativas, como comprar um cartão pré-pago de telefone fixo ou móvel1 do país de destino ou utilizar cabines telefónicas. Para aceder à Internet, poderá averiguar a existência de ofertas específicas dos operadores locais dirigidas a utilizadores de serviços de roaming ou utilizar os pontos públicos de acesso à rede sem fios (Wi-Fi hotspots) ou os serviços disponíveis em hotéis e ou cibercafés.

Notas
 
1 Antes de viajar deverá contactar o seu operador em Portugal para averiguar se tem necessidade de desbloquear o seu telemóvel, o que pode nalguns casos demorar alguns dias.